quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Cena verídica.

Imaginem assim: Você é uma garota de um metro e meio.
Vamos, isso não vai ferir sua masculinidade caso você seja um homem e nem vai te deixar mais baixa se você for mulher, imaginem mesmo.
Então você vive pacatamente no seu quarto que é enorme pra você (mas só pra você, mesmo).
Então um belo dia, você, querendo deixar o dia cinzento e belo lá fora na altura de seus olhos, abre as cortinas desse seu quarto, logo após de acordar, cantarolando "Good Day Sunshine"dos Beatles, eis que se dá a tragédia!
Essas mesmas (que há dois segundos atrás eram adoráveis) cortinas caem sobre sua cabeça.
Assim, caem! Mas, não, não abala seu bom humor matinal e você, aventureira que é, vai logo encontrar uma solução.
Primeiro tentará subir na cama: Falhará.
Depois pegará a escada da empregada: Você é muito pequena.
Então você sobe na beira da sua janela, nada perigoso ou arriscado, claro que não: Mas ainda assim.. nada.
Numa atitude desesperada você sobe na escada e depois disso sobe em cima do armário até que.. SIM VOCÊ CONSEGUIU, YES!
Mas a desgranhenta da cortina, que com tanto sacrifício você encaixou, resolve desencaixar do outro lado.
Mas, nessa hora você pensa que é uma garota de um metro e meio, então fica feliz, liga seu computador, coloca músicas animadoras e deixa a cortina lá. Até que um tio seu possa vir te visitar.

11 comentários:

Anônimo disse...

Uma ótima aventura matinal! Nada melhor que começar o dia com uma aventura, um tanto inusitada! Colocar-me nesta cena fez com que o meu dia fosse um tanto mais agitado! rsrs... Não é sarcasmo, verdade!

Doga_douglas.

gabrielsff disse...

nada como começar o dia com vontade de destruir alguma coisa.

no caso, uma cortina.

Andarilho disse...

Adorei a sua aventura matinal. E admiração, porque depois de tanto esforço, eu ia estar p*** com a cortina caindo do outro lado.

Alef Barros disse...

Viu?! É impossível copiar a Ferdi... tem que ser ela mesmo, e passar pelas mesmas aventuras... não há igual.

::::FERNANDO PACHECO:::: disse...

nossa! no fundo com vc contanto foi muito engraçado...



:::FER:::

Paulo disse...

Hahahahah, pelo menos você não deixa a raiva tomar conta, né. Se fosse eu já tinha jogado a cortina pela janela e gritado um monte de palavrões, e ainda seria capaz de chutar a cama e ainda quebrar o dedinho do pé. HAHAHHAHA

Gerundino disse...

bah... achei q tu desistiu muito fácil.. eu teria tentando de toda forma, porque quando coloco algo na cabeça, não sai da cabeça até que eu de um jeito.

Mais um imundo no mundo impuro. disse...

Eu vivi a situação aqui dentro do meu cabeção! Você é demais! Saudades.

Beijos Imundos!

Ramonices disse...

Por isso que não gosto de visitar os parentes, sempre tem uma tia ou prima que pede pra eu arrumar a cortina :( kkkkkk

Abraços Thiago Ramone.

JaqueFonseca; disse...

Ainda bem que eu não tenho cortina...

Mulher na Polícia disse...

Nossa...

Super controle emocional.
Eu certamente teria jogado a cortina com varal e anéis pela janela...

Depois pensaria que estúpida que sou! E teria que ir lá buscar a bendita...

Beijinho!